Arrepio Produções
iTSITES Tecnologia
FacebookTwitterYouTube

Entrevistas

Héia:(Black Metal/Goiânia)

15 de agosto de 2018

HÉIA: Horda de Black Metal formada em Goiânia no ano de 1999.A Seguir você acompanha uma baita entrevista,concedida pelo guitarrista e vocalista Místico,que nos conta um pouco da história da banda e fala das novidades que virão. 

1 - Nos fale sobre os primórdios da banda?

Místico: Salve! Primeiramente obrigado pela oportunidade é realmente uma grande honra.
Bom, respondendo à pergunta eu montei a horda em 1999 ev.
Eu tinha 19 anos, e com o tempo como toda a horda fomos evoluindo tecnicamente e
ideologicamente. E estamos na guerra até hoje.

2 - Porque escolheram tocar Black Metal?

Místico: Escolhi tocar um estilo de música que flui por entre minha alma meu cérebro eu
simplesmente canalizo essa energia e transformo em arte negra. É uma junção de
espiritualidade, fisicalidade, atitude, enfim muita energia.

3 - Recentemente vocês relançaram o disco "Magia Negra", como tem sido o Feedback?

Místico: Muito bom, “Magia Negra” é o nosso disco mais procurado, esse relançamento veio na
hora certa.

4 - Complementando a pergunta acima, o disco está também nas plataformas digitais como Spotify, Deezer entre outros?

Místico: Está sim, “Magia Negra” está nas plataformas assim como todos os outros, inclusive
os lançados em vinil.

5 - Oráculo, a primeira demo continha 6 músicas, nos fale mais sobre esta demo e as influências da banda naquela época?

Místico: Bom, “Oráculo” é de 2001, lembro da noite da gravação até hoje, assim como o
“Baphomet”. Era outra época, época dos grandes cartazes e etc... E como eu disse era outra
época, mas as influencias são as mesmas, só mudaram as formações da horda.

6 - Gostaria que vocês falassem sobre a forma de divulgação nos dias atuais como as plataformas de streaming e as redes sociais. O que ajuda e o que atrapalha?

Místico: Bom, muita coisa ajuda e muita coisa atrapalha, o que diferencia é a maneira como
enxergamos isso, como vemos os pontos positivos e negativos.Antigamente era nas grandes
cartas e tinha contato massa e contato picareta, hoje é digital, e continua tendo contato massa
e contato picareta, então; é como eu disse: o que diferencia é como você trabalha com a
ferramenta que tem nas mãos.

7 - “Magia Negra” e “Terror do Umbral” lançados em Vinil, pelo visto a banda gosta de lançar material neste formato, estou correto? Fale um pouco sobre estes álbuns.

Místico: “Magia Negra” ainda não foi lançado em vinil, foram lançados o “Terror de Umbral”,
“Serpente Ígnea” e “Unidos Pela Bandeira Negra”. Esses três, bom, vinil e tape cassete são os
formatos que mais gosto e devemos nos focar mais nesse tipo de lançamento daqui para
frente.

8 - Como tem sido 2018 para a banda e quais são os planos para o futuro?

Místico: Bom, eu gosto de estar sempre em atividade, então sempre temos novidades, está
saindo um box da horda na Bolívia, e já estamos com algumas músicas novas, e já vamos
anunciar uma turnê.

9 - Há possibilidade de lançarem algum videoclipe neste ano?

Místico: Há sim, já estou preparando o roteiro, há música já está separada, e logo já
soltaremos a novidade.

10 - Como vocês vêem o crescimento do metal extremo no Brasil e países vizinhos como Peru, Colômbia, Venezuela?

Místico: Vemos como promissor, ainda mais em países como Colômbia e Chile, Bolívia e Peru,
onde existem grandes hordas e grandes guerreiros que apoiam a cena negra, ano que vem
estaremos lá.

11 - Há planejamento para alguma turnê Sul-Americana?

Místico: Sim, já está fechado, divulgaremos em breve!

12 - O conceito lírico e ideológico da banda sempre esteve ligado ao ocultismo?

Místico: Assim, quando eu montei a horda eu tinha 19 anos, e não sabia de muita coisa (risos)
e logicamente fomos evoluindo, então hoje sou totalmente focado em ocultismo via
Luciferianismo.

13 - Quais são as expectativas da Horda para tocar ao lado do Maduk no Rio de Janeiro?

Místico: As expectativas são muito boas, porque o Rio é uma capital que ainda não tocamos,
então assim, estamos nos preparando e estamos ansiosos para isso. E mais do que o show do
Marduk, o que quero realmente é conhecer grandes contatos pessoalmente e rever muitos
irmãos, isso sim será uma grande celebração para a gente.

14 - Como anda a divulgação do Split álbum com a banda Serpiente Profana (Bolívia)?

Místico: Olha, eu ainda não recebi minhas copias (coisas de correio) mas estou muito feliz com
o reconhecimento e dedicação desse selo boliviano que se tornou um grande parceiro da horda.

15 - Para encerrar, as palavras finais e contatos para nossos leitores?

Místico: A horda que agradece pela oportunidade. Obrigado a todos os guerreiros que apoiam
a horda de forma direta e indireta.
“Hórus é a criança natural de Nuit; Set é a criança das correntes negras lunares, como Caim era
a criança de Adão por Lilith e Abel (Baal) por Eva. Há nessa distinção uma doutrina de vital
importância para a aplicação mágica da fórmula do Novo Aeon.”
Kenneth Grant, Aleister Crowley and the Hidden God.
 
HÉIA é:
Místico - Guitarra/Vocalista
Naberius - Contra-baixo
Horus - Bateria
 
Sites Relacionados:

Fim da Entrevista

Compartilhe

 

Outras Entrevistas

Murder Worship
© 2009-2018 - Arrepio Produções - Patos de Minas - MG
FacebookTwitterFeed RSSE-mailYouTube