Arrepio Produções
FacebookInstagramWhatsAppTwitterYouTube

Notícias

No Dia Mundial do Gótico, conheça bandas brasileira do estilo

Sexta-feira | 22 de maio de 2020
por Romulo Carlos de Sousa

Compartilhe

Crédito da Foto: Roberta Guido

 

No dia 22 de maio é comemorado o Dia Mundial do Gótico. A data inusitada existe desde 2009, e exalta a importância da cena gótica para a cultura mundial. Muito mais do que vestir-se de preto e apreciar a literatura e as belas artes, o Gótico hoje é estilo de vida e também conversa com a música. No Brasil, o gótico circula em ambientes musicais do Darkwave e Post-punk, como também no Metal. Na lista abaixo, indicamos algumas bandas brasileiras que se inspiram no gótico para suas músicas, vestimenta e filosofia.

 

Lyria (RJ)

Criada em 2012 por Aline Happ (voz), a banda de metal sinfônico carioca é uma das mais conhecidas do país, que traz na sua história o disco de estreia, “Catharsis” (2014) e o segundo álbum, “Immersion”, que também foi lançado graças a um financiamento coletivo, arrecadando mais de 13 mil dólares. Feitos extraordinários para uma banda de metal brasileira. Além de Aline, o Lyria conta com Rod Wolf (guitarra), Thiago Zig (baixo) e Thiago Mateu (bateria). Com refrãos marcantes, arranjos bem trabalhados e temas de superação, o Lyria reúne fãs de todos os cantos do globo, principalmente na Europa, Estados Unidos e Brasil. 

 

Assista “Last Forever”: https://youtu.be/CMn7SiuoNy8

 

Drowned Men (MG)

De Belo Horizonte (MG), a Drowned Men é uma banda de post-punk que traz em sua discografia o EP “Ashes” (2019) e o disco de estreia, “Bats” (2020). O quinteto usa do minimalismo e experimentalismo em suas canções, que falam de medos, vícios e também esperança. Entre as influências musicais, estão clássicos do post-punk como Bauhaus, Echo and The Bunnymen, Siouxsie and the Banshees, The Cure e ainda bandas nacionais como o Legião Urbana e o Ira!, também fortemente influenciadas pelo gênero. A Drowned Men conta com os músicos Gabriel Martins (bateria), Adriano JS (baixo), Joey Blasmain (guitarra), John Silva (guitarra e backing vocal) e Adriano Bê (voz).

 

Assista “Stay”: https://youtu.be/4A4x1oiWvMI

 

Hamen (SC)

Criada em 2013, a Hamen surgiu no cenário nacional com o EP “Altar” (2015) e de lá pra cá a banda já participou de algumas coletâneas internacionais e lançou o álbum de estreia, “Unreflected Mirror” (2018), inspirado na ficção científica, se tornando uma das representantes do metal sinfônico brasileiro. a Hamen é formada por Cadu Puccini (guitarra), Gabriel Pedroso (bateria) e Monica Possel (voz) e Matheus Maia (baixo).

 

Assista “My True Freedom”: https://youtu.be/GiCaUL8Tu5s

 

The Knutz (RJ)

The Knutz é uma banda carioca de postpunk/death rock, conhecida por shows enérgicos e melodias diferenciadas. O trio foi criado em 2005 e é formado por Daniel Abud (voz e guitarra), Tiago Abud (baixo) e Airton Silva (bateria). Nos últimos 15 anos o grupo já realizou turnê na Europa e lançou  os discos "The Knutz Live" (2018), "The Towe" (2018), "Monsters on Tour" (2016), "We are the Monsters" (2015), "Live at the Fleece (Bristol - UK)" (2013) e "Ghost Dance Party" (2011).

 

Assista “The Tower”: https://youtu.be/J6iB6lB2P30

 

Semblant (PR)

Criada em 2006, a Semblant é uma banda de death metal melódico brasileira, que traz entre os membros os músicos Sergio Mazul (voz), J. Augusto (teclado), Mizuho Lin (voz), Juliano Ribeiro (guitarra), Thor Sikora (bateria) e Johann Piper (baixo). Na discografia, eles contam com "Last Night of Mortality" (2010), "Lunar Manifesto" (2014) e "Obscura" (2020). A banda também conta com a graphic novel "Semblant: Blood Chronicles", que traz várias histórias de terror inspiradas nas canções do grupo, lançadas em parceria com a DarkSide Books.

 

Assista “Murder of Crows”: https://youtu.be/fpzsz6a6XMg

Fonte: Julia Ourique

 

Outras Notícias

© 2009-2019 - Arrepio Produções - Patos de Minas - MG
itsit.es