Arrepio Produções
FacebookInstagramWhatsAppTwitterYouTube

Resenhas

Fellps Rocker:"Tudo que havia de bom em mim se foi" (CD/DIGITAL)

Sexta-feira | 19 de abril de 2019
por Romulo Carlos

Compartilhe

Lançamento digital - (2017 )

Selo: Island Press/Nacional

“Tudo que Havia de Bom em Mim se Foi”, disco composto de 11 faixas, é o primeiro álbum de estúdio do cantor e compositor FELLPS ROCKER (Felipe Barbosa Rodrigues de Matos), produzido por Reinaldo de Menezes,o álbum soa de forma categórica por ser um disco autobiográfico, as letras e forma como foi composta mostra de forma harmônica,timbres e influências do rock das décadas de 50 e 60, além de um viés de blues. O artista tem na sua biografia outro registro anterior,seu primeiro registro em carreira solo foi o EP "Eu não creio no amor"(2009).

 

Tracklist :

01. Rock ‘n’ Roll

02. Agora que eu me Vejo sem Você

03. Cupido

04. Quebrando minha Própria Prisão

05. Desde Quando você se Foi

06. Eu fui Comprar Cigarro

07. Velha Visita

08. Prefiro Ficar para Bolor

09. Tudo que Havia de Bom em mim se Foi

10. Pela mesma Porta

11. Minhas Lágrimas Secam esta Noite

 

Muitos que acompanham  minhas resenhas devem estranhar o lance de  eu estar divulgando esse disco digital. Confesso que até eu me surpreendi aos primeiros acordes,Letras inteligentes,diferentonas e com um pé no blues.

Inicialmente esse disco foi lançado em 2017 no formato digital e agora em 2019 será lançado no formato físico (CD),segundo informações da Assessoria de Imprensa.

Pois bem, o cantor e compositor Fellps Rocker tem um talento nato e suas letras são autobiográficas,eu me senti um pouco paulistano ouvindo suas músicas. Ele tem uma voz muito boa,a timbragem é muito focada nas letras. As letras,agora chegamos ao ponto.

Para conseguir entender o conteúdo e linkar com as letras eu senti uma vontade de voltar 50 anos atrás quando Maysa,Erasmos Carlos,Renato e seus Blues Caps e um monte de artistas espetaculares bombavam nas paradas musicais e fazia um sucesso estrondoso no rádio. Sim meu amigo, nas décadas de 60 e 70 no Brasil,o rádio reinava. Eu mesmo ouvia muito e acho que se fosse naquela época o Fellps iria detonar.

"Rock honesto e letras consideradas ingênuas para a época de hoje,mas com adrenalina suficiente para resgatar a nostalgia e o encanto da música feita com a alma e o coração, muito superior a babaquice plastificada e sem conteúdo que é despejada em nossos ouvidos diariamente. Quem tem mais de cinquenta anos vai fazer uma viagem no túnel do tempo!"

 

Músicos:

FELLPS ROCKER : Voz e guitarra base

Felipe Barbosa : Guitarra base

Reinaldo de Menezes : Guitarra base, Guitarra solo, Baixo

Marco Antonio Viana : Bateria

 

Ficha Técnica:

Produzido, mixado e masterizado por Reinaldo de Menezes

Gravado no Rei Menezes estúdios (www.reimenezes.com.br), São Paulo, 2017

Arte e fotos: Guilherme Krol

 

Links relacionados:

Facebook: www.facebook.com/fellpsrockeroficial

Instagram: www.instagram.com/fellpsrockeroficial

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCiArbPaGqnVHvJ8_cRhqInw

 

Outras Resenhas

© 2009-2019 - Arrepio Produções - Patos de Minas - MG
itsit.es